Entrar

Qual é aumentativo e diminutivo de rua?

Por Sumaia Santana | Em 16/05/2024 00:00:44 | Português, Aumentativo e diminutivo | 💬 0

Se pensarmos sinteticamente, o aumentativo da palavra rua pode ser “ruazona” ou “ruão”. O diminutivo da palavra rua, sinteticamente falando, é “ruazinha” ou “ruela”.



Conhecer as regras de aumentativo e diminutivo é exigido constantemente. Elas são cobradas nas provas de concursos, vestibulares e ENEM. O que difere é a abordagem pois, o nível fundamental, por exemplo, apresenta as diretrizes iniciais sobre o tema.

Por se tratar de algo que abrange vários tópicos, vamos falar sobre a importância dos sufixos no grau dos substantivos. Nosso foco, porém, não ficará nos mais utilizados, abrindo o leque para os sufixos considerados sofisticados.

Então, como conhecimento nunca é demais, não perca esta dica de Português que preparamos para você.

Aumentativo da palavra rua

Se pensarmos sinteticamente, o aumentativo da palavra rua pode ser “ruazona” ou “ruão”.

Veja que há sufixos em ambas as formas, isso porque o aumentativo sintético é formado com o acréscimo de sufixos: -aço, -aça, -arra, -ão, -alha, -areú, -orra, -ázio, -astra, -az, -uça.

Confira exemplos de aumentativos com os sufixos apresentados acima:

  • amigaço (amigo)
  • amigalhaço (amigo)
  • balaço (bala)
  • barcaça
  • bocarra
  • cartaz
  • canaz (cachorro)
  • chorona
  • copázio (copo)
  • fogaréu
  • gentalha

Podemos também pensar no aumentativo de rua com o acréscimo de adjetivos que remetam a ideia de grandiosidade.

Neste caso, o aumentativo é chamado de analítico e usamos as seguintes palavras: grande, vasto, enorme, imenso, colossal, desmedido, descomunal, grandíssimo, gigantesco.

Como existem vários adjetivos para indicar que algo é grande, o aumentativo analítico da palavra rua pode ser:

  • rua grande
  • rua imensa

Diminutivo sintético da palavra rua

Mais uma vez vamos pensar nos âmbitos sintético e analítico.

O diminutivo da palavra rua, sinteticamente falando, é “ruazinha” ou “ruela”.

Veja que no primeiro exemplo houve a adição dos sufixos -zinha e no segundo, do sufixo -ela.

Este elemento é quem confere a ideia de tamanho reduzido. Existem outros sufixos que também possuem esta função, confira:

  • -inho / -inha → bichinho
  • -im → farolim (farol)
  • -ela → viela
  • -icho → rabicho
  • -ilho / -ilha
  • -ete / -eta → saleta, cruzeta, maleta, lingueta, sineta, palacete

Mas, há ainda os chamados diminutivos eruditos, cuja formação acontece com a adição dos seguintes sufixos:

  • -ulo / -ula → grânulo
  • -culo / -cula → partícula
  • -ículo / -ícula → ossículo, fascículo (feixe)

Exemplos de palavras no diminutivo que possuem os sufixos acima

  • febre - febrícula
  • nó - nódulo

Observação:

1. As palavras célula, glóbulo, gotícula, óvulo, opúsculo, película, retículo e versículo, embora terminem com sufixos eruditos, não estão no diminutivo. Essa exceção é porque os termos ganharam significado próprio e são consideradas substantivos no grau normal.

2. O termo furúnculo não está no diminutivo e refere-se a uma infecção cutânea, geralmente de origem bacteriana. Entretanto, a etimologia da palavra é do latim furunculus, cujo significado é “ladrãozinho”

Diminutivo analítico da palavra rua

O conceito de diminutivo analítico consiste em acrescentar os seguintes adjetivos diminutivos: pequeno, pequenino, mínimo, miúdo, minúsculo, diminuto, reduzido, insignificante.

Com a existência de vários adjetivos que remetam a ideia de tamanho menor, podemos formar mais de um diminutivo da palavra rua:

  • rua pequena
  • rua pequenina
  • rua minúscula

Para fixar este conceito, trouxemos aplicações em frases dos itens apresentados no início deste tópico:

  • “As ideias que revolucionaram o mundo avançam a passo miúdo.” Georg Wilhelm Friedrich Hegel
  • “Aos seres humanos foram dados dois pés para que não tivessem que permanecer num mesmo lugar. Mas, se ficassem quietos mais a miúdo para poderem aceitar e apreciar, em vez de irem de um lado para o outro tentando se apoderar de tudo o que pudessem, entenderiam verdadeiramente o que é a ambição do coração.” Robert Fisher
  • “Sem as ilusões da nossa imaginação, o capital da felicidade humana seria muito diminuto e limitado.” - Marquês de Maricá
  • “A honra é como a pedra preciosa: com um pequeno defeito, tem o preço enormemente reduzido.” Jacques Bossuet
  • “Ser uma coisa evidente é ficar reduzido a quase nada.” Teixeira Pascoaes
  • “Em coisas insignificantes é que um verdadeiro amigo se avalia.” Camilo Castelo Branco
  • “Nenhum gesto de amizade, por muito insignificante que seja, é desperdiçado.” Escopo
  • “Não é apenas a arte que põe encanto e mistério nas coisas mais insignificantes; esse mesmo poder de relacioná-las intimamente conosco é reservado também à dor.” Marcel Proust
Resolver simuladosEscolaridadeQuantidade
Interpretação de TextosEnsino Superior272
SintaxeEnsino Médio28
Interpretação TextualEnsino Médio17
Interpretação de TextoEnsino Médio9
VerbosEnsino Médio8
PontuaçãoEnsino Médio8
MorfologiaEnsino Superior8
Locução AdverbialEnsino Médio7
Flexão VerbalEnsino Médio7
OrtografiaEnsino Médio5
Resolver questõesEscolaridadeQuantidade
Interpretação de TextosEnsino Superior5484
Interpretação TextualEnsino Médio2502
SintaxeEnsino Médio1727
MorfologiaEnsino Superior1188
PontuaçãoEnsino Médio832
OrtografiaEnsino Médio593
Redação OficialEnsino Médio455
CraseEnsino Médio386
Morfologia PronomesEnsino Médio370
Interpretação de TextoEnsino Médio229
Foto de perfil Sumaia Santana
Por Sumaia Santana | Comunicação Social
Formada em Comunicação Social com habilitação em Rádio e TV. Atua com redatora desde 2015, com experiência na criação de artigos e notícias sobre os mais diversos temas.

Deixe seu comentário (0)

Participe, faça um comentário.